Laudas Críticas

Código Florestal anistia 58% de áreas devastadas, diz Science

leave a comment »

Queimada em São Félix do Xingu, no Pará (Foto de Valter Campanato/Agência Brasil)

O impacto das alterações vigentes a partir de maio de 2012 no Código Florestal brasileiro, que comentei na semana passada, é assunto de uma pesquisa publicada na edição desta semana da revista Science, que é editada pela Associação Americana para o Avanço da Ciência.

Estabelecida pela nova lei, a anistia da obrigação de proprietários de imóveis rurais restaurarem áreas em que houve desmatamentos ilegais até 2008 reduziu de 5o milhões para 21 milhões de hectares, ou seja, em 58%, a extensão total da superficie a ser recuperada.

Liderada por Britaldo Soares Filho e Raoni Rajão, da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), a pesquisa teve a participação de cientistas do Woods Hole Research Center, dos Estados Unidos.

Mais informações sobre esse estudo estão em

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: