Laudas Críticas

φύσις κρύπτεσθαι φιλεῖ (phýsis krýptesthai phileî) O que aparece favorece o encobrimento
Heráclito de Éfeso (535-475 a.C), fragmento 123 (Diels-Kranz)

___________________________________________________________________

PEC do diploma e desonestidade científica

Quinta-feira, 4 de novembro de 2010

O que têm em comum o livro O Ambientalista Cético, do estatístico dinamarquês Bjorn Lomborg, e o relatório da proposta de emenda constitucional (PEC) da Câmara dos Deputados que visa restaurar a exigência de formação superior específica em jornalismo para essa profissão no Brasil? Resposta: a desonestidade científica. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Eleições 2010: não aprendemos nada com a peste

Domingo, 3 de outubro de 2010

Qualquer que seja o resultado da eleição presidencial de hoje, e qualquer que seja a preferência de cada um, mais uma vez não teremos aprendido nada sobre nós mesmos. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Ponto final na polêmica com Antonio Cicero

Sexta-feira, 2 de julho de 2010

Além de insistir em mesclar argumentos evasivos com ofensas pessoais, o citado poeta desta vez partiu para uma escalada nessa desesperada tática discursiva. Para mim basta. Deixo que a injúria seja arma somente dele, e não minha. Nem sequer me dou ao trabalho de fazer um novo post. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

O relativismo, o dogma e a banalização

Quinta-feira, 17 de junho de 2010, às 7h30

Apesar de parecer para o senso comum um mero exercício de diletantismo, a discussão que iniciei em 26 de maio no jornal Folha de S. Paulo a partir de uma crítica minha ao colunista Antonio Cicero tem implicações diretas sobre temas de fundo da atualidade. Um desses temas é o chamado multiculturalismo. Sob uma perspectiva relativista, pode-se chegar a concluir, por exemplo, que a ausência dos direitos de cidadania em determinadas sociedades deve ser tolerada e compreendida como uma questão interna delas. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Uma ameaça maior que o dogma

Terça-feira, 8 de junho de 2010, às 7h00

O pior, ao se banalizar um pensamento, não é distorcer suas conclusões, mas ocultar suas interrogações. A banalização é capaz de mascarar até o dogma. Ela está presente em cada um de nós e pode fazer da própria liberdade de pensamento um clichê vazio e inócuo. (Publicado hoje na seção Tendências/Debates da Folha de S. Paulo em resposta ao artigo “Heidegger, Descartes e a razão”, de Antonio Cicero.) [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Antonio Cicero responde à minha crítica

Sábado, 29 de maio de 2010, às 9h00

Antonio Cicero respondeu hoje na Folha de S. Paulo (“Heidegger, Descartes e a razão”) à minha crítica ao seu artigo “Irracionalismo”. Responderei oportunamente, mas ainda não pude combinar nada com o jornal. Num ponto ele tem razão: ele observou corretamente que Descartes nem sequer é citado no § 24 de Ser e Tempo. Não foi a primeira vez em que fiz essa mesmíssima confusão, baseada em um erro de anotação minha, na qual marquei “§ 24″ em vez de “p. 24″. A versão que uso dessa obra é a 18ª edição alemã [Martin Heidegger, Sein und Zeit . (18. Aufl.). Tübingen: Max Niemeyer Verlag, 2001]. Na segunda edição brasileira, o trecho ao qual que me referi em meu artigo corresponde às páginas 62 e 63 (tradução de Márcia Sá Cavalcante Schuback, Rio de Janeiro: Editora Vozes, 2006). Mas isso é o que menos importa. Em breve, retomarei o assunto. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

O tabu em torno da razão

Quarta-feira, 26 de maio de 2010, às 6h20

Em seu artigo “Irracionalismo” (Folha de S. Paulo, Ilustrada, 23/5), o colunista Antonio Cícero contestou os que acusam Descartes de ser autor de um pensamento conservador e repressivo. Mas o fez atribuindo indevidamente a Martin Heidegger um “feroz anticartesianismo” e também a “desqualificação” da tradição filosófica e da razão. Com o devido respeito ao colunista, suas imputações ao pensador alemão do século 20 são simplificações falseadoras, assim como as próprias acusações ao filósofo francês do século 17. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

O Design Inteligente e a volta à causa final

Sexta-feira, 7 de maio de 2010, às 8h10

Desta vez não é acusação de nenhum darwinista, mas reconhecimento por parte de um renomado defensor do Design Inteligente (DI), que em alto e bom som disse, com todas as letras, que essa proposta teórica para a evolução da vida é uma retomada da causa final – ou seja, do modelo explicativo que foi banido da ciência a partir da revolução copernicana. Em outras palavras, isso implica admitir – mesmo sem o querer – que o fundamento do DI é metafísico, e não científico no sentido da cientificidade pós-medieval. [Leia o texto completo no blog da revista Unesp Ciência]

___________________________________________________________________

Ceticismo com aspas e sem aspas

Domingo, 29 de novembro de 2009, às 18h38

Na imprensa nacional e internacional, a palavra “cético” tem sido usada com muita freqüência com o significado de descrente em relação a uma idéia ou tese específica, como a de que as ações humanas estão intensificando o efeito estufa, pondo em risco o equilíbrio climático do planeta. Por exemplo, têm sido chamados de “céticos do darwinismo” aqueles que são partidários do criacionismo, da mesma forma como os evolucionistas são chamados de “céticos do criacionismo”. A expressão ainda não adquiriu o significado de opositor, mas não está longe disso. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Jornalismo científico e mudanças conjunturais da comunicação

Quinta-feira, 26 de novembro de 2009, às 8h45

A questão crucial do jornalismo na área de C&T acabou por se tornar a mesma do jornalismo em geral neste neste início de milênio: o essencial não é saber se os jornais vão desaparecer, nem se os profissionais de imprensa serão todos terceirizados, mas se a função do jornalista deixará de ser a produção da informação para se restringir ao mero gerenciamento dela. (Trabalho apresentado ao I Simpósio Brasileiro de Jornalismo Científico, Universidade Estadual do Norte Fluminense, Campos de Goytacazes, RJ, 26 de novembro de 2009). [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Alerta contra o sensacionalismo catastrofista

Quarta-feira, 28 de janeiro de 2009, às 8h45

Na semana passada, alguns portais de notícias atribuíram à Nasa predições de eventos catastróficos provocados pelo aumento da atividade solar de emissões de partículas eletromagnéticas. Entretanto, os responsáveis pelo assunto pedem que jornalistas sejam mais cuidadosos ao interpretar e divulgar as conclusões do estudo a que se referem tais reportagens. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Há 25 anos, o Big Brother inspirava a revolução da informática

Sábado, 24 de janeiro de 2009, às 11h00

Hoje faz exatamente 25 anos que a Apple Computer lançou o Macintosh e revolucionou a computação pessoal. Dirigido por Ridley Scott — diretor de Alien (1979) e de Blade Runner (1982), o comercial de 60 segundos nem sequer mencionava a existência de computadores. O argumento girava em torno da idéia de uma sociedade dominada por um regime totalitário. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

‘Ibama’ de Obama será mais científico, promete a nova chefe

lisa-jackson1Domingo, 18 de janeiro de 2009, às 17h58

A imprensa brasileira não deu importância à notícia da confirmação pelo Senado dos EUA da engenheira química Lisa Jackson para chefiar a EPA (Agência de Proteção Ambiental). Porém, mais importante que a aprovação de seu nome para o cargo que assume na próxima terça-feira (20/01) foi a declaração dela sobre sua primeira tarefa — “resgatar a integridade científica e legal” do órgão. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

A volta da ‘Literatura Ocidental’ de Carpeaux

Sábado, 17 de janeiro de 2009, às 8h25

Uma das melhores notícias do ano que há pouco terminou foi a terceira edição da monumental História da Literatura Ocidental, de Otto Maria Carpeaux (1900-1978), lançada em quatro volumes pelas Edições do Senado Federal. Publicada originalmente em 1959, a obra foi elogiada e usada como referência por grandes críticos literários brasileiros, como Antonio Cândido, Álvaro Lins e Wilson Martins. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

O ano da astronomia e os quatro séculos da ciência moderna

Sábado, 10 de janeiro de 2009, às 14h37

Nos próximos dias 15 e 16 (quinta e sexta-feira) acontece em Paris, na sede da Unesco, a cerimônia de abertura do Ano Internacional da Astronomia, com uma programação de eventos em 129 países em 2009. Mas não foi apenas a astronomia que “nasceu” há exatos quatro séculos, com a observação do céu por Galileu Galilei ao telescópio. Foi também o nascimento da ciência moderna. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Mais um dia em que a Terra não parou

Sexta-feira, 9 de janeiro de 2009, às 8h55

O mundo da comunicação de massa se mostra cada vez mais como um deserto de novas idéias. Exemplo disso, no cinema, é o exagero em recorrer a sucessos do passado. Hoje é lançado no Brasil O Dia em que a Terra Parou, um remake do clássico The Day the Earth Stood Still, de 1951. Mais um remake para as barulhentas hordas que infestam cinemas com baldes de pipocas fedorentas. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Philip Roth e o rico diálogo entre escritores

Domingo, 4 de janeiro de 2009, às 10h59

No livro Entre Nós, de Philip Roth, o diálogo com outros autores tem como tema aquilo que, segundo ele, quase nunca é abordado na amizade entre escritores: suas próprias obras. Essas conversas não são acadêmicas nem giram em torno da literatura ou de métodos para escrever. A riqueza desse livro, lançado recentemente no Brasil, está na sensibilidade de Roth para tratar de forma essencial o que é crucial nas vidas, escolhas e convicções de seus interlocutores. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Cesare Lombroso (1835-1909)Lombroso, espiritismo e ceticismo

Sábado, 3 de janeiro de 2009, às 11h02

A edição de hoje de O Estado de S. Paulo sinaliza a possibilidade de o espiritismo virar objeto de polêmica em 2009, aos cem anos desde a morte do médico italiano Cesare Lombroso (1835-1909), um dos expoentes da criminologia como disciplina científica. A efeméride é lembrada pelo jurista Miguel Reale Júnior, que destaca a ligação do pesquisador italiano com a doutrina espírita. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Blogma 2009

Sexta-feira, 2 de janeiro de 2009, às 10h46

Nada como acompanhar uma boa seleção de blogs para escapar da mesmice midiática. Mas isso seria muito melhor se as postagens aproveitassem melhor os recursos da própria internet. Não se trata de dizer como se deve fazer. Aliás, isto é muito mais um desabafo do que um manifesto. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Números da Amazônia derrotaram a imprensa em 2008

Segunda-feira, 29 de dezembro de 2008, às 7h32

2008 passará para a história da Amazônia como o ano em que os números derrotaram a imprensa. Ofuscada por estatísticas mensais da degradação florestal, a cobertura jornalística mal se deu conta da área total desmatada de 706,9 mil quilômetros quadrados, que já equivale a quase metade do Amazonas e corresponde a pouquíssimo menos que as terras da França, da Holanda e da Bélgica somadas. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

‘Físico da alma’ quer unir darwinismo e criacionismo

Sábado, 27 de dezembro de 2008, às 11h56

Já pensei em colocar na coluna de links deste blog um item chamado Antibibliografia. Nele certamente entrariam todos os livros do midiático físico indiano Amit Goswami. Por dever de ofício, tive de ler quase todas as suas obras. Na mais recente, Deus Não Está Morto: Evidências científicas da existência divina (Editora Aleph), a estratégia retórica é a mesma dos livros anteriores: dizer a leitores ávidos por uma prova de existência divina exatamente aquilo que eles esperam, fugir da confrontação com aspectos polêmicos e dar um ar de erudição às suas considerações com o apelo a superficialidades e até a equívocos típicos da cultura de almanaque. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

A mídia e o conflito de interesses na pesquisa científica

Sábado, 20 de dezembro de 2008, às 11h56

O jornal O Estado de S. Paulo abordou ontem (sexta-feira, 19/11) um tema muito negligenciado pela imprensa brasileira, que é o conflito de interesses em pesquisas médicas. A reportagem “Pesquisa sobre males do amianto tem verba do setor” informa que três universidades públicas paulistas — USP, Unicamp e Unifesp — investigam denúncia de conflito de interesses em um estudo sobre os efeitos do amianto sobre a saúde humana. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

A torre de marfim e o risco de macaquear o evolucionismo

Caricatura de Charles Darwin na capa de "La Petite Lune", revista satirica parisiense dos anos 1880.Segunda-feira, 15 de dezembro de 2008, às 7h12

O recente confronto entre criacionistas e o evolucionistas no Brasil está rendendo nos meios de comunicação muitas manifestações que pouco colaboram para um debate de idéias. Mas também têm acontecido algumas interessantes e pedagógicas contraposições de argumentos. Na praticamente absoluta falta de iniciativas acadêmicas para um embate entre os dois lados dessa polêmica, a imprensa, os blogs e outros espaços na internet se tornaram o meio viabilizador para ele. O persistente afastamento da comunidade científica desse debate público poderá levar a reveses maiores do evolucionismo em um período de ascensão de muitas crenças religiosas. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Canadense revela conexão chinesa no escândalo de revista científica

Terça-feira, 9 de dezembro de 2008, às 6h54

Apesar de continuar ignorado pela imprensa, o escândalo em torno do físico e engenheiro egípcio Mohamed Saladin El Naschie, editor-chefe da revista Chaos, Solitons & Fractals (CS&F), continua em blogs muito atuantes nas áreas de física e matemática. Alguns pesquisadores começaram a fuçar os registros de um dos parceiros de El Naschie nesse periódico: o físico chinês Ji-Huan He, da Universidade Donghua, em Xangai, editor regional desse periódico na China e editor-chefe de outra publicação. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

O debate sabotado entre criacionistas e evolucionistas

Domingo, 7 de dezembro de 2008, às 12h45

Uma das principais queixas dos contestadores da teoria da evolução de Charles Darwin (1809-1892) é a falta de espaço para eles nos meios de comunicação. A seção “Tendências/Debates”, da Folha, apresentou dois artigos de posições contrárias em resposta à pergunta “O criacionismo pode ser ensinado nas escolas em aulas de ciências?”. Lamentavelmente, a resposta por parte do representante criacionista foi um insulto à inteligência dos leitores. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Uma máxima para o Conselho de Ética da Câmara

Sexta-feira, 5 de dezembro de 2008, às 6h27

Que valor pode ter a consciência de um homem se ela não pode ser negociada?

A frase acima deve ser colocada em uma placa colocada de modo bem visível nas dependências da Comissão de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara dos Deputados. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Saída de editor não esfria caso de pseudociência e favorecimento

Terça-feira, 2 de dezembro de 2008, às 7h24

Mohamed Saladin El Naschie, editor-chefe da revista "Chaos, Solitons & Fractals"

A notícia de que o físico e engenheiro egípcio Mohamed Saladin El Naschie deixará seu cargo de editor-chefe da revista Chaos, Solitons & Fractals (CS&F) não conseguiu amenizar a crise que comentei na postagem de ontem. Não está mais em questão, nem para os críticos mais moderados, se El Naschie publicou ou não 322 artigos de sua própria autoria no mesmo periódico por ele editado, nem se ele os usou para fazer grande parte das suas 3.050 citações. Enquanto a imprensa não toca no assunto, blogs miram o grupo editorial Elsevier. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Periódico é acusado de pseudociência e favorecimento

Segunda-feira, 1º de dezembro de 2008, às 4h51

O físico e engenheiro egípcio Mohamed Saladin El Naschie está no centro de uma crise que ameaça a credibilidade dos sistemas de avaliação de publicações e de carreiras científicas. Nos últimos dez anos, ele publicou 322 artigos de sua autoria e obteve milhares de citações, quase todas feitas por ele mesmo aos seus próprios trabalhos. Essa crise foi desencadeada por várias acusações de autofavorecimento e de publicação de trabalhos pseudocientíficos. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Por quem a curva do sino dobra

Sábado, 29 de novembro de 2008, às 13h25

Está demorando muito para a imprensa no Brasil usar como gancho para pautas de educação o recente lançamento nos Estados Unidos do livro Real Education: Four simple truths for bringing America’s schools back to reality. Seu autor, que esteve no Brasil recentemente, é o cientista político Charles Murray, co-autor com Richard Herrnstein (1930-1994), psicólogo de Harvard, do polêmico livro The Bell Curve: Intelligence and class structure in american life, publicado em 1994. Infelizmente, a maior parte das matérias que mencionaram o novo lançamento explorou muito pouco ou deixaram de lado os seus desdobramentos para a educação. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Autora de artigo sobre vandalismo em escolas responde ao blog

Quinta-feira, 26 de novembro de 2008, às 6h45

A pedagoga Dagmar Maria Leopoldi Zibas, pesquisadora da Fundação Carlos Chagas, mestre em psicologia da educação pela PUC-SP e doutora em educação pela USP, enviou ontem mensagem de resposta ao questionamento deste blog. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Faltou explicar a ‘politização’ do vandalismo nas escolas

Quarta-feira, 26 de novembro de 2008, às 7h30

A recente discussão sobre as depredações e outros atos de violência em escolas públicas de São Paulo teve hoje um novo tempero, mas que parece precisar de melhor explicação. Trata-se do artigo “Como interpretar o vandalismo nas escolas?”, da pedagoga Dagmar Maria Leopoldi Zibas, pesquisadora da Fundação Carlos Chagas, mestre em psicologia da educação pela PUC-SP e doutora em educação pela USP. Publicado hoje na seção Tendências/Debates da Folha de S. Paulo, o texto afirma… [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

O futuro do mestrado e a formação de jornalistas

Terça-feira, 26 de novembro de 2008, às 7h25

A continuidade dos cursos de mestrado em seus atuais padrões no Brasil foi questionada publicamente pelo epidemiologista Naomar Monteiro de Almeida Filho, reitor da Universidade Federal da Bahia, em seu artigo “O fim do mestrado…”, na edição de domingo, dia 23/11, na Folha. No que diz respeito ao jornalismo, essa discussão é posta na mídia no momento em que o Ministério da Educação se propõe a avaliar a possibilidade de criar cursos de especialização ou de pós-graduação para que formados em outras áreas também possam exercer essa profissão. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Errei ao citar Jakobskind como contrário à exigência do diploma

Domingo, 23 de novembro de 2008, às 11h14

Cometi um erro neste blog em 13/08/2008 ao relacionar o trecho de um artigo do jornalista Mário Augusto Jakobskind entre as manifestações contrárias à exigência do diploma de jornalismo para o exercício dessa profissão, que constam na página “Dossiê diploma de jornalismo e CFJ”. Só percebi essa falha ontem (sábado, 22/11) ao receber e-mail dele com solicitação de reparo. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Laboratório remove link de ‘partícula-fantasma’

Sexta-feira, 21 de novembro de 2008, às 13h35

Este é apenas um registro de mais um fato curioso relacionado aos acontecimentos relatados neste blog em “A partícula-fantasma e o conselho de ‘Deep Throat’” (08/11/2008). O link para o paper sobre o experimento — que para alguns seria o prenúncio de grandes novidades na física — não está mais na página de publicações e pré-prints do site do Fermilab (Laboratório-Acelerador Nacional Fermi). [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Pesquise antes de perguntar

Quarta-feira, 19 de novembro de 2008, às 7h44

Este blog tem recebido muitas perguntas que demonstram que seus remetentes não têm o hábito de pesquisar coisa nenhuma, apesar de terem acesso à internet. O pior é que muitos deles são estudantes universitários. Sem falar nos jornalistas. Em vez de reinventar a roda, faço aqui sugestões de leitura de boas orientações já elaboradas. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Muito barulho e pouca informação contra a ‘Lei Azeredo’

O Big Brother, no filme "1984" (Nineteen Eighty-Four), dirigido por Michael Radford e baseado no livro homônimo de George Orwell

Domingo, 16 de novembro de 2008, às 13h05

Falta um esforço maior de conscientização por parte de muitos internautas na mobilização contra o Projeto de Lei 84/1999, destinado a combater crimes praticados pela internet, mas que possui dispositivos que ameaçam o direito de expressão. Muitos blogs e sites envolvidos nessa campanha limitam-se a repetir o que terceiros dizem, sem dar referências das informações que veiculam. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Site do Centro de Cavernas do MMA está ‘em obras’

Sexta-feira, 14 de novembro de 2008, às 17h12

Já faz alguns dias que está “fora do ar” o site de Centro Nacional de Estudo, Proteção e Manejo de Cavernas (Cecav), do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade, vinculado ao Ministério do Meio Ambiente (MMA). Isso é ruim nestes dias, na seqüência da assinatura pelo presidente da República do Decreto nº 6.640, de 07/11/2008. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Sai o decreto das cavernas, e Minc não dá entrevista coletiva

Terça-feira, 11 de novembro de 2008, às 11h40

Parem as máquinas! O ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, que tanto faz uso de entrevistas coletivas, desta vez não deu o ar da graça. Se não fosse a reportagem “Decreto autoriza destruição de cavernas”, da Folha de hoje, a novidade só ficaria por conta do Diário Oficial. Já é fato consumado o que este blog avisou há duas semanas (“Quase nenhuma notícia sobre o decreto das cavernas”, 28/10/2008). O novo ato presidencial é o Decreto nº 6.640, de 07/11/2008. Não há nenhuma notícia sobre ele nos sites da Agência Brasil e do Ministério do Meio Ambiente. Talvez o órgão tenha iniciado uma fase no estilo low profile, isto é, mais discreta, sem chamar muito a atenção. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Debate na USP isola falácias sobre exigência do diploma

eca-usp

Sábado, 8 de novembro de 2008, às 18h26

O debate “Obrigatoriedade do diploma”, realizado na noite de 6 de novembro na Escola de Comunicações e Artes da USP foi um grande avanço. Parte da programação da Semana de Jornalismo 2008 da ECA-USP e organizado por estudantes dessa Escola, o encontro proporcionou o entendimento sobre os equívocos e falácias que permeiam as discussões sobre esse tema. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

A partícula-fantasma e o conselho de ‘Deep Throat’

Sábado, 8 de novembro de 2008, às 18h26

“Siga o dinheiro.” Esse conselho, dado pelo informante “Deep Throat” durante as reportagens investigativas do escândalo Watergate, precisa ser seguido também pelos jornalistas da área de ciência. Na semana passada, a edição online da revista britânica New Scientist noticiou que enquanto o bilionário complexo LHC (Grande Colisor de Hádrons), na Suíça, não consegue dar seus primeiros passos, experimentos com resultados surpreendentes teriam sido obtidos no velho acelerador de partículas Tevatron, dos EUA. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Quase nenhuma notícia sobre o decreto das cavernas

Terça-feira, 28 de outubro de 2008, às 12h26

Se depender de quase toda a imprensa brasileira, a mudança da legislação sobre as cavernas brasileiras só será conhecida pela sociedade como fato consumado. Já existem 31 entidades que apóiam o manifesto da Sociedade Brasileira de Espeleologia (SBE), contrário à intenção governamental de alterar o Decreto 99.556, de 01/10/1990, que “Dispõe sobre a proteção das cavidades naturais subterrâneas existentes no território nacional, e dá outras providências”. [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

O algoritmo de definição de morte e as questões sem respostas

Domingo, 26 de outubro de 2008, às 13h31

No mesmo dia em que a imprensa brasileira anunciava a morte cerebral da adolescente Eloá Cristina Pimentel — que fora baleada após ser mantida por em cárcere privado durante uma semana por seu ex-namorado — e a autorização de seus familiares para a utilização dos órgãos dela em transplantes, uma outra notícia sobre esse tipo de diagnóstico passou despercebida: “Reino Unido lança novas regras para diagnóstico de morte” (Folha Online, segunda-feira, 20/10/2008). [Leia o texto completo]

___________________________________________________________________

Arquivo completo

___________________________________________________________________

Antonio Cicero responde à minha crítica

Sábado, 29 de maio de 2010, às 9h00

Antonio Cicero respondeu hoje na Folha de S. Paulo (“Heidegger, Descartes e a razão”) à minha crítica ao seu artigo “Irracionalismo”. Responderei oportunamente, mas ainda não pude combinar nada com o jornal. Num ponto ele tem razão: ele observou corretamente que Descartes nem sequer é citado no § 24 de Ser e Tempo. Não foi a primeira vez em que fiz essa mesmíssima confusão, baseada em um erro de anotação minha, na qual marquei “§ 24″ em vez de “p. 24″. A versão que uso dessa obra é a 18ª edição alemã [Martin Heidegger, Sein und Zeit . (18. Aufl.). Tübingen: Max Niemeyer Verlag, 2001]. Na segunda edição brasileira, o trecho ao qual que me referi em meu artigo corresponde às páginas 62 e 63 (tradução de Márcia Sá Cavalcante Schuback, Rio de Janeiro: Editora Vozes, 2006). Mas isso é o que menos importa. Em breve, retomarei o assunto. [Leia o texto completo]

Written by Mauricio Tuffani

sexta-feira, 26/12/2008 às 10:00

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: